Skip to content

Listas de espera

Julho 2, 2007

Hoje, no noticiário, ouvi uma noticia que me arrepiou: os doentes oncológicos, isto é, com cancro, esperam em média 3 meses e meio por uma intervenção. Em dois centros hospitalares a espera chega a ser de 7 meses. Repugnante.

E para fazer um aborto, é de graça, não entra em lista de espera, e se o hospital não estiver em condições de o fazer, as mulheres podem ir fora e o hospital paga. Sem entrar em juízos de valor, acham isto bem?
Talvez fosse melhor mudar o nome do ministério da saúde para outro mais apropriado.
(Espero não ser despedido por esta boca jocosa!!… ;-))

2 comentários leave one →
  1. Julho 2, 2007 20:13

    Completamente de acordo, mesmo sem entrar em juízos de valor, até porque temos opiniões diferentes sobre a questão do aborto.
    É repugnante e quem vive a situação de perto ainda sente mais…

    A tua sorte é que não trabalhas para o Ministério da Saúde 🙂

  2. Kika permalink
    Julho 2, 2007 22:14

    Eu trabalho para o Ministério da Saúde e por isso mesmo estou à vontade para falar acerca desta questão. O que me choca, não são estas cirurgias demorarem mais ou menos tempo, porque por norma não são realizadas pelos mesmos médicos, nem nos mesmos hospitais que realizam abortos, mas sim, todas as outras cirurgias que deveriam ser realizadas rapidamente e que são enviadas para listas de espera de anos, sim, porque aí não se fala em meses, mas em anos. E é nestes que eu questiono que Estado de igualdade é este, que me priva a mim de ver resolvida uma situação de DOENÇA da qual não tive qualquer culpa, em favor de uma situação que na maioria das vezes poderia ter sido evitada e que não o é porque agora, infelizmente até é facil e rápido resolver o problema…
    Mas ainda em relação ao estudo apresentado, os estudos valem o que que valem e são realizados com o intuito de satisfazer um determinado fim, ou seja, os dados são trabalhados de acordo com as conclusões que se pretendem obter. Não acredito que exista alguém em Portugal que espere sete meses por uma cirurgia oncológica, porque se assim fosse não seria repugnante, seria quanto a mim, escandaloso. Agora é claro que se, a população em estudo são todos os doentes com cancro do nosso país, é natural que se cheguem a estes números, mas ainda assim, sinceramente não acredito. No entanto, não podemos esquecer que há situações em que antes de avançar para um procedimento cirúrgico se tem que actuar antes, nomeadamente com tratamentos de radioterapia ou mesmo quimioterapia, tudo isto com vista a conseguir as condições óptimas para o sucesso da cirurgia. E isto é apenas um exemplo, poderia falar de mais alguns. Perante isto, se nesse estudo existirem muitos indivíduos nestas situações é claro que os tempos de espera são maiores. É tudo uma questão de política e de tratamento dos números. Gostaria era de ver toda esta celeridade que transparece na questão do aborto transportada para o restante SNS, porque aí os prazos também são importantes.
    Um Abraço.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: