Skip to content

“Pé de meia”

Fevereiro 3, 2008

Todos somos inteligentes em fazer o nosso “pé de meia” financeiro. Gerimos as nossas finanças pessoais e familiares procurando poupar sempre um pouco, para quando precisarmos, termos um recurso. A alguém que descure isto chamamos de imprevidente. Se somos tão inteligentes a gerir dinheiro, porque poderá vir a fazer falta mais tarde, e até passamos algumas necessidades por causa disso, deixei-me perguntar:

somo igualmente inteligentes em fazer o nosso “pé de meia” das relações humanas? Até que ponto investimos também na criação de amigos, bons relacionamentos, camaradagem? Amanhã poderemos precisar dessas pessoas. Será que as teremos connosco?

Advertisements
No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: