Skip to content

A folha de papel

Abril 17, 2008

A folha de papel era feliz, tinha vida, tinha alegria. Quando pegavam nela, ela cantava pois tinha música dentro dela. Ela tinha um mar de esperança à sua frente. Sonhava ser útil. Era essa a sua missão.

Mas um dia, uma pessoa pegou na folha. E frustrou os sonhos dessa folha de papel. Pegou na folha e foi-a amachucando. Cada vez mais. Até que ela ficou uma bola de papel.

Ah! Que fiz eu?! Amarrotei a folha e esqueci que precisava dela. Vou estiva-la e voltará a ser a mesma folha.

Oh! Afinal a folha já não é a mesma. Perdeu a alegria, perdeu a música. Já nem dança, pois está toda quebrada.

Façam a experiência com uma folha de papel. Ouçam o barulho que faz quando se mexe. Amarrotem-na. Voltem a esticá-la. Faz o mesmo barulho?

Pensemos na folha de papel sempre que pensarmos amachucar os sentimentos dos outros. Por mais que nos esforcemos, é muito difícil voltar ao que era antes. E para isso, vai ser preciso muito trabalho, muita atenção, muito empenho. Sempre.

Advertisements
One Comment leave one →
  1. Helder (folhas livres) permalink
    Abril 28, 2008 19:43

    eu penso que todas as pessoas tenhem sentimentos mesmo as folhas e que devemos respeitar mesmo que isso seja dificil todas as folhas sonham que podem ser felizes penso que deveriamos respeitar podemos começar de novo e assim a folha sera mais feliz.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: