Skip to content

S. Paulo

Junho 29, 2008

Foi a 28 de Junho de 2007 que Bento XVI anunciou a celebração de um ano jubilar dedicado ao Apóstolo São Paulo: “É para mim uma felicidade anunciar oficialmente que ao Apóstolo Paulo dedicaremos um especial Ano jubilar, desde 28 de Junho de 2008 até 29 de Junho de 2009, por ocasião do bimilenário do seu nascimento, inserido pelos historiadores entre os anos 7 e 10 d.C. Este ‘Ano Paulino’ poderá desenvolver-se de modo privilegiado em Roma, onde desde há vinte séculos se conserva sob o altar papal desta Basílica o sarcófago, que segundo o parecer unânime dos peritos e pela incontestada tradição, contém os restos mortais do Apóstolo Paulo.” (Bento XVI).

Paulo, é uma das personagens da história que mais admiro: pela coragem de enfrentar os costumes estabelecidos e ousar anunciar o Evangelho ao mundo pagão. Obrigado S. Paulo. Precisamos hoje de outros Paulos, capazes de fazer despertar a Igreja da inércia e dos costumes pouco adaptados para a nossa época. Não foi por Paulo ter ousado no seu tempo, que devemos seguir a cultura da época. Paulo foi um homem do seu tempo. Devemos é aprender é o seu espírito de amor ao Evangelho e de ousadia, e porque não dizê-lo, de desobediência.

Na Igreja primitiva houve lugar para dois apóstolos de ideias opostas: Pedro, mais conservador, e Paulo, mais progressista. O confronto de ideias, aliado ao respeito pela pessoa, levou a que o bom senso imperasse.

Hoje impomos tudo com a lei: “como era no principio, agora e sempre. Amen”. Hoje há quem acuse alguns sacerdotes e bispos de progressistas que estão a acabar com a Igreja. Paulo foi o primeiro a dar “cabo dela” ao desobedecer à vontade dos apóstolos de o Evangelho ser apenas para os Judeus, porque foi o que Jesus fez. Este discurso, hoje, não vos é familiar? “Foi assim que Jesus fez”, dizem alguns. Em vez de obedecermos ao espírito de Jesus, estamos a imitar a cultura da época. Hoje, Jesus e Paulo teriam agido da mesma forma cultural?

Podemos agora ler um artigo sobre S. Paulo. Façam a vossa leitura e partilhemos aqui as nossas ideias.

Artigo completo

2 comentários leave one →
  1. Adelino permalink
    Julho 2, 2008 20:58

    É pena na igrja de hoje averem pocos padres e bispos com os ideias de S.Paulo.
    A Igreja seria muito melhor.

  2. Julho 2, 2008 21:49

    Lancei o desafio aos caminheiros: S. Paulo é o patrono deles; temos um ano paulino pela frente; vamos trabalhar nesse sentido? Vamos reflectir sobre S. Paulo, e produzir material sobre ele?
    Para breve teremos novidades.
    Existe pouca coisa sobre este grande apóstolo. Neste blogue, vamos dar destaque a esta figura, através de filmes produzidos por nós. E talvez publicar… quem sabe.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: