Skip to content

Caminhada quaresmal

Fevereiro 25, 2009

Nesta época quaresmal, é preciso rasgar o coração, para que entre a novidade  anunciada por Jesus, e que contribui para a nossa felicidade. Chega de ritos exteriores, puramente estéreis, insignificantes e que não contribuem em nada para a nossa verdadeira mudança, que começa dentro de nós e não fora.

Esta quaresma deixo dois desafios e uma caminhada. Os desafios: Colocar a Bíblia sobre a mesinha de cabeceira, e, em algum momento do dia, ler, nem que seja uma linha. E, se em algum dia, não houver disponibilidade para isso, ao menos podemos deitar-lhe os olhos, ao deitar e ao levantar.  Segundo desafio: “cuidado com a boca”. Não me refiro à alimentação, mas à forma como falamos, e ao que dizemos. Já repararam que o nosso tom de voz anda, quase sempre, alterado, o que não nos ajuda a relaxar e é causador de stress nos outros?!

Caminhada quaresmal: cada pessoa poderá fazer a sua cruz, utilizando os materiais que quiser e que estejam relacionados com a sua vida ou profissão. Depois, esta cruz será transportada por cada um, na via-sacra, e no fim serão abençoadas. Desta forma, terão uma cruz personalizada em casa, e que os fará lembrar dos desafios quaresmais, mas que podem e devem continuar nos outros dias.

One Comment leave one →
  1. miná ( Famalicão) permalink
    Fevereiro 28, 2009 00:04

    Éuma excelente ideia, cada um construir a sua cruz!
    Mesmo não pertencendo a nenhuma dessas comunidades, vou tambem construir a minha cruz, e , quem sabe, levá-la nessa Via Sacra..

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: