Skip to content

Para por a fé em dia

Janeiro 23, 2013

“A humanidade abriga uma esperança:

Ver-se libertada da escravatura

E alcançar a liberdade dos filhos de Deus.

Enquanto lança gritos de dor do parto”

Romanos 8, 20

 

Os avanços no conhecimento do cristão estão a ser tão profundos, tão radicalmente inovadores e iluminadores em qualquer campo, que todo o crente responsável está obrigado a por-se em dia e a repensar a sua fé.

Talvez tenhas que desmontar muitos dos velhos esquemas.

Nossa verdadeira e única intenção é ajudar-te a repensar a tua fé em Jesus de Nazaré; aumentar o teu amor à humanidade; e que não percas a tua esperança no pai de todos.

Não temos nenhum interesse em escandalizar a ninguém nem de julgar com coisas tão sérias.

Este portal não é para todos. Não se escreve para isso, no entanto, há muitos crentes que vivem, de forma tranquila e segura, a sua fé num Deus Pai que ama os homens, que premeia os bons e castiga os maus, as que as teologias só podem perturbar. Filhos anónimos de um Deus bom, muitos sem o saber.

Estas páginas escrevem-se pensando nos outros. Os que sofrem a sua fé enredada numa igreja clerical que não compreende nem aceitam. A eles queremos dizer-lhes que não estão sós; somos muitos.

As conclusões a que chegamos estão implícitas ou explícitas na maioria dos livros dos melhores teólogos e nas análises actuais sobre o conteúdo dos livros sagrados do cristianismo.

Ninguém se pode sentir acabado na teologia. No mundo católico, o nosso, padece-se uma inflação de dogmas, soluções e respostas. Dogmas, soluções e repostas desvalorizadas. Sem valor no mercado.

Renovar não é renegar. Repensar não é rejeitar. Amadurecer não é esquecer. A relatividade não é relativismo.

Ou crescemos ou a fé morre. Uma fé adulta é uma fé pessoal, valente, sem medos infantis. A fé adulta só se encontra em pessoas adultas que não têm medo a perguntar-se, não têm medo da dúvida, não têm medo de caminhar contra a corrente, a protestar diante do Sinédrio, a perguntar, uma e outra vez a Jesus: onde vives?

Dentro desta pluralidade e diversidade de temas encontrarás um rio de pensamentos novos, luzes novas que não te deixarão indiferente: te indignarás ou te tranquilizarás. Mas não pares: continua a pensar, procurando. Vive a tua fé como um adulto.

(Luís Alemán Mur, texto de apresentação do site fé adulta.com, e que expressa muito bem o meu pensamento e forma de formar)

2 comentários leave one →
  1. Rafael permalink
    Fevereiro 1, 2013 14:30

    José, boa tarde. Busco entrar em contato com a pessoa chamada Carla, que detém o blog http://jesus-e-nos.blogspot.com.br/. Por favor, peço sua ajuda. Um abraço

  2. Miguel permalink
    Setembro 21, 2016 21:51

    Rafael aki nao deve ser o local, estou vendo que ningu´m lhe responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: